top of page

E que peça...!

Ontem foi a estreia de mais uma peça, e que peça meus amigos! Ter quase 30 pessoas em palco, cada uma com os seus desafios, e as suas manias, as suas maneiras de falar e de se expressar, cada uma com uma vida muito diferente da do outro, cada uma com os seus problemas, saudades, angústias, entre outros, enfim, um desafio muito grande.

Nem tudo é o que parece: nós podemos estar muito bem em palco, mas na realidade termos a cabeça cheia de pensamentos, de "e se...", cheia de inseguranças, medos e muito mais.

O teatro vai além das cortinas, e dos bastidores, teatro que é de verdade, é uma segunda família, uma segunda casa, onde nós temos pessoas que esperam por nós, que nos fazem sentir que podemos ser nós próprios, sem julgamentos, e isso facilita todo um processo, de quase um ano de preparação!

Já vai fazer 4 anos desde que entrei para o Visiunarte, já se passou tanta coisa! Tantas pessoas que entraram e saíram, tantos ciclos que se encerraram e começaram. Nós nem nos apercebemos. São tantas as lágrimas, tantos sorrisos, tantas emoções ao mesmo tempo, mas sempre juntos, SEMPRE! Não importa se o mundo está a desabar ou se temos um "Fábio" a chatear-nos; nós vamos lá estar uns para os outros. É realmente muito lindo quem vê o resultado final, mas é ainda mais bonito ver todos os ensaios, e todos esses pequenos momentos que nos fazem crescer.

Eu devo muito a estas pessoas, que sempre me mostraram que eu podia contar com elas, que me revelaram que eu tinha talento, e que não devia desistir só pelo que os outros diziam.

Todas as estreias foram marcantes, mas esta foi a primeira em que eu chorei! Mas de alegria! As cortinas a fechar e eu já a segurar as lágrimas, o nosso "berro", assim que as luzes se acenderam, e nós todos a dizer "CONSEGUIMOS" foi um momento único! Nós a gastar o resto das energias a gritar "e salta Visiunarte e salta..!" a cantar o hino, sem nos importarmos com o público que ainda estava na sala! Acho que foi a primeira vez que nos sentimos aliviados pelo nosso esforço ter dado tão certo!

Foi o início de um ciclo, e que ciclo, meus amigos... isto ainda nos vai dar muitas lágrimas e muitos risos, mas o importante é que estamos juntos, e nem quero imaginar onde podemos chegar! É apenas um começo de uma história que vai ficar na memória de muitos, tanto dos atores, como do público! Não consigo imaginar o que o futuro nos aguarda! E como já se costuma dizer: "É tudo, é tudo pela arte, OHHHH VISIUNARTE!"



Foto de Diana na nossa peça "O Rei do Espetáculo"


Autor: Diana Pinto





90 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page